Aguarde...

SAÚDE QUE SE VÊ

Governo da Madeira adquire parcela para construção do novo hospital do Funchal

LUSA
05-12-2019 20:22h

O Conselho do Governo da Madeira decidiu hoje adquirir, pelo valor global de 238.176,84 euros, uma parcela de terreno necessária à construção do novo Hospital do Funchal, obra orçada em cerca de 340 milhões de euros.

O Governo Regional da Madeira recebeu em 20 de novembro, em Lisboa, o compromisso do primeiro-ministro, António Costa, de cofinanciamento em 50% da construção e dos equipamentos do novo hospital da região, no âmbito do Orçamento do Estado para 2020 (OE2020).

“Por parte do senhor primeiro-ministro, há uma vontade empenhada, determinada, no sentido de resolver algumas das questões. Uma das questões é a clarificação relativamente ao cofinanciamento do Hospital Central do Funchal”, afirmou o presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque (PSD), em declarações aos jornalistas, na altura, após uma reunião com o Governo da República, que decorreu no Palácio de São Bento, em Lisboa.

Em comunicado, o Governo Regional, de coligação PSD/CDS-PP, indica ainda que decidiu hoje autorizar ainda a celebração de vários contratos programa e de cooperação com entidades agrícolas, desportivas e culturais.

Foi ainda aprovado um voto de louvor, tendo em conta "o excelente resultado desportivo" alcançado pelos atletas madeirenses Luís Ricardo Agrela Teixeira e Ricardo Nuno Barros Santos e pelo técnico Duarte Nuno Freitas Sousa, do Clube Desportivo "Os Especiais", ao vencer, ao serviço da seleção nacional, a medalha de prata no Campeonato do Mundo de Basquetebol na variante de 3x3, para jogadores com Síndrome de Down.

O louvor é também estendido à Associação Nacional de Desporto para o Desenvolvimento Intelectual.

MAIS NOTÍCIAS