Aguarde...

SAÚDE QUE SE VÊ

Vacinómetro 2018/2019 – Adesão dos profissionais de saúde continua a ficar aquém do necessário

Diogo Mendes
09-01-2019 16:05h

O médico pneumologista Filipe Froes esteve no programa Saúde em Dia, do Canal S+, onde referiu alguns números no que diz respeito ao vacinómetro de 2018/2019, destacou ainda que “estamos relativamente estagnados na cobertura dos profissionais de saúde”.

Apesar da boa adesão à vacina da gripe da população em geral, a adesão dos profissionais de saúde continua a ficar aquém do necessário.

O Consultor da Direção-Geral da Saúde explica ainda que o principal fator de adesão à vacina é o exemplo e a promoção da vacina pelo profissional de saúde, sublinhando a grande importância da vacinação por parte destes.

Realça ainda que Portugal tem taxas de cobertura vacinal na ordem dos 65%, um aumento de 2% a 3% em relação ao ano passado.

“Podemos dizer que estamos, provavelmente, nos 5 melhores países da União Europeia”.

Segundo o especialista foi fácil chegar até este número, no entanto, afirma que “começa a ser muito difícil darmos o salto qualitativo e quantitativo que nos permitem atingir o objetivo da União Europeia”, que são os 75%.

Para ver o programa na íntegra, consulte:

Saúde em Dia - S+ ou a posição 129 da grelha da NOS.

Conheça as recomendações da DGS para este inverno

MAIS NOTÍCIAS